Skip to main content

From Rio de Janeiro to English Bay: My Big Move

Groundswell Team
On , In Culture

Hi, my name is Leonardo Berardino, and I’m working as Technical Lead in Groundswell. I was born in Buenos Ayres, Argentina. However, I grew up and lived my entire life in Rio de Janeiro, Brazil, where I completed my graduation and post-graduation. I’ve been working as a Software Developer and Software Engineer for 25 years and specifically with Salesforce for eight years. My family and I have lived in Vancouver, Canada, since February 15th, 2020, 1 month before the pandemic.

When Opportunity Knocks

In September 2019, I received in my LinkedIn inbox a message with an opportunity to work with Salesforce in Vancouver. At that time, I was working as a Senior Software Engineer at a large corporation in the heart of the financial market in Brazil; this job came with incredible opportunities. I had an established life here with my wife Ana, my two kids and a dog named Elliot, which made this decision very tough. I can remember asking my wife about her thoughts about the possibility of relocating, and we decided to know more about the company before making any decision. After researching for Groundswell online, we discovered plenty of positive information about the company, including great feedback from ex-employees, its unique culture, and listed on the Top 100 Best Small and Medium Canadian companies to work. We decided to embark on this journey.

The Call to Adventure  

My first interview was a talk with Stefan the Hiring Manager, an amazingly warm and kind person. He explained everything I needed to know about the job: my duties, the support given by Groundswell to help newcomers get the Visa, the support on the moving process to Canada, and the next steps in the interview process. 

The second interview was an assessment with a Software Engineer from Groundswell. We had a pleasant talk about my previous work experience and software development, software architecture, data modelling, system performance, and problem-solving. 

The third phase was an assignment to be completed in 5 days. It consisted of implementing a feature, something we use every day when we are navigating and buying things on the Internet, in other words, a real use case. After completing and submitting the solution, my last interview meeting with the company was the CTO and another Software Engineer, where I presented the solution and the decisions I made. It was another pleasant talk. After so many steps in this process, I just realized how friendly everyone was.

After a few days, I received the offer letter, and I started the Visa application process.

Acquiring My Visa 

Groundswell has a team that guides new employees on the Visa application process. The Recruitment Advisor contacted me after I accepted the offer and helped me with all steps and documents required. After submitting all necessary forms, my family and I provided the required medical and biometric information. The entire process was pretty easy and quick. It took only four weeks from the first steps until getting the passport with the Visa.

A New City 

December 2019 and January 2020 were crazy months. We started to sell everything we had in Brazil and organize our trip to Vancouver along with researching how to get our dog Elliot there. We also hired a consulting company called Van Sweet Home to help us find a rental apartment. Van Sweet was one of the best choices we made because we already had the apartment renting contract signed before arriving in Vancouver.

We left Rio de Janeiro on February 14th, and arrived in Vancouver on the night of the 15th after a connecting flight in Montreal. In Rio, it was summer with temperatures near 40oC, and in Vancouver, winter with temperatures near 2oC. Knowing about this difference in the weather, we were ready with our winter coats, which are not common in Rio de Janeiro. We used the following days after arriving in Vancouver to get to know the neighborhood. We visited the Waterfront, English Bay, coffee shops, downtown, North Vancouver, and the Lion’s Gate bridge. I loved seeing for the first time the snowy mountains! We stayed in a hotel for two weeks, and on March 1st, we started living in our new home. Elliot remained in Brazil for three weeks and joined us in the middle of March. Groundswell reimbursed me for the flight tickets, the Visa, and the hotel costs.
 

March 11th, 2020, was the day the WHO declared the pandemic. I worked in the company office for only two weeks before the news about COVID-19 started to spread. The Canada Federal and local governments quickly started to work fighting the new virus following the WHO recommendations. One week later, Groundswell adopted the remote work regime for all employees conforming to the authorities’ guidelines. Although it was a quick change to the new model, the transition was smooth.

Being Welcomed

The challenges of moving to another country, including selling everything we had in Brazil, and organizing travel for four people and a dog, were all worthwhile. 

One of our concerns was about our two kids adjusting to the new language, school, and culture. Where would they study? What would the process be to enroll them in the school? How would they deal with studying in a new language? 

Groundswell’s People and Culture team helped us with all questions regarding the bureaucracy and documentation. The City of Vancouver is prepared to receive newcomers from the entire world. The process to enroll the kids in the school is pretty simple. They also have special classes for newcomers to learn English and the local history and culture, helping them feel like a part of the community.

My first day working in Groundswell was great. The natural fear of the unknown quickly vanished with the warm reception at the company. I was shown around the office and introduced to everyone and received a laptop and all credentials needed to start my work. The company wiki is complete and detailed, which helped me to understand the company rules and processes.

One of the high points of the company is internal communication. Many talented people work at Groundswell, and it’s effortless to get help from them. It’s also pretty easy to reach the company managers, the directors, and even the CEO Brian. Groundswell also helped us with all tools and costs necessary to work from home, and I could do it without any breaks in my duties. The company helps with the challenges related to stress and the long period in isolation, promoting online sessions about health and exercises. My coworkers are very warm people, and they are always ready to help. We have internal communication channels not only for professional talks but also for friendship. We can share our hobbies, cooking adventures, reading suggestions, and tech stuff on these channels.

On May 15th, 2021, I was vaccinated. I’m happy because I think soon I will be able to see my coworkers and friends in person again.


Oi, meu nome é Leonardo Di Berardino e trabalho como líder técnico na Groundswell. Eu nasci em Buenos Aires na Argentina, entretanto vivi minha vida inteira na cidade do Rio de Janeiro no Brasil, onde completei minha graduação e pós-graduação. Há 25 anos trabalho como engenheiro de software e mais especificamente nos últimos 8 anos com Salesforce. Eu e minha família moramos em Vancouver no Canadá desde fevereiro de 2020. Chegamos no país um mês antes do início da pandemia.

Quando a Oportunidade Bate à Porta

Em setembro de 2019 eu recebi uma mensagem em meu LinkedIn com uma oportunidade para trabalhar com Salesforce em Vancouver. Naquele momento eu trabalhava como engenheiro de software sênior em uma grande empresa do setor financeiro no Brasil com grandes oportunidades de crescimento. Eu tinha uma vida estável com minha esposa Ana, dois filhos e meu cão Elliot, o que tornou essa decisão bem difícil. Eu me lembro de conversar com minha esposa sobre a possibilidade de nos mudarmos para o Canadá, e nossa primeira decisão foi de buscar mais informações sobre a empresa antes de decidir o que fazer. Depois de pesquisarmos sobre a Groundswell online nós descobrimos uma grande quantidade de dados positivos sobre a companhia, incluindo bons feedbacks dos ex-empregados, a cultura interna e que ela está listada no top 100 das melhores pequenas e médias empresas para trabalhar no Canadá. Nesse momento nós decidimos embarcar nessa jornada.

A Chamada para a Aventura

Minha primeira entrevista foi com o Gerente de Recrutamento, uma pessoa muito amigável e tranquila. Ele me explicou tudo o que eu precisava saber sobre o novo emprego: quais seriam minhas responsabilidades, a ajuda dada pela Groundswell para eu obter o visto de trabalho, o auxílio dado na mudança para o Canadá e os próximos passos no processo de entrevista.

A segunda entrevista foi com um engenheiro de software da Groundswell. Nós tivemos uma ótima conversa sobre minhas experiências anteriores de trabalho, desenvolvimento de software, arquitetura de software, modelagem de dados, performance de sistemas e solução de problemas.

A próxima fase foi um teste de desenvolvimento de uma funcionalidade no Salesforce, algo que nós utilizamos no dia a dia quando navegamos e compramos coisas pela Internet, em outras palavras, um caso de uso real. 

Após completar e submeter minha implementação, eu tive minha última entrevista com o CTO e outro engenheiro de software da companhia, onde eu apresentei minha solução e as decisões que tomei na arquitetura da aplicação. Foi outra entrevista bem agradável. Depois de todos esses passos eu percebi quão amigáveis todos são.

Alguns dias depois eu recebi a oferta e iniciei o processo de emissão do visto de trabalho.

Obtendo meu Visto 

Groundswell possui um time que auxilia os novos funcionários no processo de inscrição para o visto de trabalho. Uma pessoa do time de recrutamento me contatou após eu ter aceitado a oferta e me auxiliou com o processo e documentos requeridos. Após submetermos todos os formulários solicitados para o visto, eu e minha família fizemos os exames médicos e a coleta de biometria no consulado canadense. O processo todo foi bem fácil e rápido. Levou apenas quatro semanas desde que demos entrada no processo até termos nossos passaportes com o visto.

A Nova Cidade

Dezembro de 2019 e janeiro de 2020 foram meses corridos. Nós começamos a vender tudo o que tínhamos no Brasil e organizar nossa viagem para Vancouver além de descobrir como trazer Elliot, nosso cachorro, para cá. Nós contratamos uma empresa chamada Van Sweet Home para nos ajudar a procurar apartamentos para alugar e também resolver toda a papelada do processo de aluguel. Van Sweet Home foi uma das melhores escolhas que fizemos porque, ao chegar em Vancouver, nós já tínhamos nosso apartamento alugado.

Nós deixamos o Rio de Janeiro em 14 de fevereiro e chegamos em Vancouver na noite do dia 15 após uma conexão em Montreal. Saímos do Rio de Janeiro durante o verão com temperaturas perto dos 40oC e chegamos em Vancouver no inverno, com temperaturas perto dos 2oC. Sabendo dessa grande diferença de temperatura, nós saímos do Brasil já preparados como nossos casacos de inverno, algo que não é comum no Rio de Janeiro.

Usamos os próximos dias após chegar na cidade para conhecer a vizinhança. Nós visitamos o Waterfront, a English Bay, cafeterias, o centro da cidade, North Vancouver, a ponte Lion’s Gate e eu adorei ver pela primeira vez as montanhas com neve no topo. Nós permanecemos no hotel por duas semanas e em 1o de março nós já estávamos morando na nossa nova casa. Elliot permaneceu no Brasil por três semanas e juntou-se a nós no meio de março. A Groundswell reembolsou nossas passagens aéreas, os valores pagos para emissão dos vistos e os custos do hotel.

Em 11 de março de 2020 a OMS declarou a pandemia. Após trabalhar no escritório da companhia por apenas duas semanas, as notícias sobre a COVID-19 começaram a se espalhar. O governo federal do Canadá rapidamente começou o trabalho de enfrentamento ao novo vírus seguindo as recomendações da OMS e após mais uma semana a Groundswell,  seguindo as instruções das autoridades, adotou o esquema de trabalho 100% remoto para todos os funcionários. Embora tenhamos trocado de uma semana para outra do regime presencial de trabalho para o remoto, a transição foi bem tranquila e sem imprevistos.

Sendo Bem Recebido

As preocupações em mudar-se para outro país, o processo de vender tudo o que tínhamos no Brasil e as complexidades de organizar uma viagem para quatro pessoas e um cachorro valeram a pena. Uma das muitas de nossas preocupações era como nossos dois filhos iam se adaptar a nova língua, a escola, a cultura local. Onde eles iriam estudar? Qual seria o processo para os matricular na escola? Como eles iriam lidar com a mudança de estudar em inglês?

O departamento de pessoas e cultura da Groundswell nos ajudou com todas as questões relacionadas a burocracia e documentação. Além disso, a cidade de Vancouver é preparada para receber os estrangeiros de todo o mundo. O processo de matricular as crianças na escola foi bem simples. Eles possuem turmas especiais para estrangeiros aprenderem inglês e a cultura e história local, ajudando a se sentirem parte da comunidade.

Meu primeiro dia de trabalho na Groundswell foi excelente. O medo natural do desconhecido rapidamente desapareceu com a recepção calorosa que recebi na companhia. Eu fui convidado a conhecer o escritório e fui apresentado a todos os meu colegas de trabalho. Recebi meu laptop e todas as credenciais necessárias para iniciar meu trabalho. O site interno da empresa é bem completo e detalhado, o que me ajudou a conhecer as regras e processos da companhia.

Um dos pontos positivos da empresa é a comunicação interna. Muitas pessoas talentosas trabalham comigo e é fácil obter ajuda de qualquer um deles. Também temos um canal aberto para conversar com os gerentes, diretores e até com o Brian, o CEO da companhia. Groundswell também nos ajudou com todas as ferramentas necessárias para trabalhar de casa e com isso eu consegui continuar com minhas tarefas sem interrupções.

Outro ponto importante é a ajuda da empresa com os desafios relacionados ao estresse e o longo período de isolamento durante a pandemia, promovendo sessões sobre saúde e exercícios. Meus companheiros de trabalho são pessoas muito amigáveis e sempre estão dispostos a ajudar. Nós temos canais internos de comunicação não apenas para assuntos profissionais, mas também para conversas informais. Nós compartilhamos  nesses canais nossos hobbies, aventuras na cozinha, sugestões de leitura e músicas, coisas relacionadas a tecnologia, entre outras coisas.

Em 15 de maio de 2021 eu fui vacinado contra a COVID-19. Estou bem feliz porque eu acho que em breve poderei novamente ver meus colegas de trabalho e amigos pessoalmente.

Let’s connect

We’d love to get to know your business better, and chat about how we can harness the power of Salesforce to help achieve your long-term goals.

Start the conversation

Let’s connect

Whether you’re looking for a quick fix, a major transformation, or expert consulting to help you navigate through it all, we’d love to hear from you.
Want to join our team?
Visit our careers page for current openings.
Our HQ
650 W Georgia St Suite 1300 Vancouver, BC V6B 4N8 (604) 628-3421
General inquiries
info@gscloudsolutions.com